O que estuda para Enem 2019

Já se inscreveu no enem 2019 e agora está pensando: o que estuda para enem 2019, como se preparar para as provas? Bom, neste artigo, nossa professora Sara var te dar as dicas valiosas. Leia o artigo e compartilhe.

O que estuda para enem 2019

Planejamento, foco e dedicação são palavras que não podem faltar no vocabulário de quem está se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM 2019). A prova mais concorrida do Brasil só acontece em novembro, no entanto, para ter um bom desempenho na avaliação e aumentar as chances de conquistar uma vaga no curso universitário dos seus sonhos, é importante começar a estudar desde já – ainda mais agora, na reta final há menos de 4 meses do exame.

Se planejar com antecedência, criar um cronograma de estudos, fazer as provas antigas do exame e, principalmente, usar o tempo disponível a seu favor são passos essenciais para todo estudante. Antecedência é a palavra de ordem.

Então, não dá mais para esperar. Como existe pouco tempo até a prova, o ideal é utilizar o restante para fazer uma ampla revisão de todos os conteúdos e eliminar de vez as dúvidas persistentes. Utilize-os meses restantes para esclarecer estes pontos com professores, e, em seguida, faça exercícios para fixar o conhecimento.

Como se preparar para Enem 2019

Faça uma retrospectiva

Tente fazer uma retrospectiva dos principais acontecimentos do último ano: quais grandes temas foram debatidos pela imprensa? Informe-se, você precisa estar bem afiado.

Já analisou o terreno?

Faça as provas anteriores do ENEM mapeando os principais conteúdos exigidos nos anos anteriores. Vá se acostumando com o modelo.

Treine a redação

Faça no mínimo uma redação por semana e sempre peça para um professor corrigir. Nessa fase, você pode escrever consultando materiais de referência. Depois, busque simular a situação da prova e o faça sem consulta, somente com base na coletânea de textos da proposta e nos seus conhecimentos. Lembre-se que você terá uma hora a mais no segundo dia de provas para escrever o texto, por isto, é importante treinar o tempo de elaboração da redação.Com a prática, sua escrita ficará mil vezes melhor.

Leia também:

Invista na organização do tempo

Novembro parece distante, mas quando o assunto é preparação para o ENEM, aproveitar bem o tempo disponível para estudar faz toda a diferença no resultado. É importante deixar para trás o velho hábito que muitos estudantes cultivam de virar noites estudando quando os dias das provas se aproximam e se planejar para ler um pouco das matérias todos os dias.

Quem não está acostumado a estudar tem tempo suficiente para começar aos poucos. No início, separe 1 hora por dia para esse fim. Quando tornar o estudo um hábito, vá aumentando a carga horária até chegar a 7 ou 8 horas por dia, que é um ritmo adequado.

Prepare seu espaço para estudar

Manter um espaço de estudo organizado, com tudo o que você precisa à mão, faz a diferença e ajuda a manter um bom desempenho na preparação para o ENEM. Mesmo quem não tem um escritório ou escrivaninha exclusivos pode criar um espaço de estudo em algum canto da casa.

Deixe no local todo o seu material (livros, apostilas, cadernos, canetas e afins) e procure manter a área sempre organizada. É importante que você se sinta confortável no local e que o espaço esteja sempre em ordem. Afinal, você passará boas horas nele nos próximos meses.

Monte um cronograma de estudos

Criar um cronograma ajuda muito no preparo. Busque as matérias cobradas e defina os horários que dedicará ao estudo de cada uma delas na semana. Uma dica importante é saber definir prioridades.

Todos têm matérias que consideram mais fáceis e aquelas em que sentem mais dificuldades. Não deixe de levar isto em consideração na hora de montar seu horário de estudos. Reserve mais horas para as disciplinas mais complexas, que apresentam mais dificuldade em relação às provas do ENEM – lembrando que, em razão do TRI, cada questão de matemática e ciências da natureza costuma valer mais pontos se comparada às demais – portanto, vale focar nestas duas áreas se o alvo é obter uma pontuação mais elevada.

Coloque seu plano em um local de destaque no seu canto de estudos. Assim, você sempre terá ideia do que falta fazer ao sentar para estudar. Você pode construir um cronograma mensal ou com base em semanas; o importante mesmo é ficar atento a todos os horários e atividades ao longo deste intercurso preparatório.

Uma forma de garantir um detalhamento mais completo de cada atividade ao longo do dia é criar quadros semanais para colocar no seu cantinho de estudos.

Leia sobre atualidades

As atualidades ocupam espaço importante nas provas do ENEM. Por isto, além de mergulhar em livros e apostilas, é essencial ficar atento ao que acontece no mundo, não abrindo mão de acompanhar o noticiário por meio da TV, jornais, revistas e internet.

Para se sair bem no exame, é importante até mesmo ir além e buscar outros tipos de informação, como publicações de dados científicos e de outros temas mais específicos. Tenha em mente que você tem que saber os fatos, mas também sobre evoluções nos campos da saúde, meio ambiente, história etc.

Para tirar uma boa nota, o aluno tem que comprovar que tem capacidade argumentativa, tem uma posição crítica em relação à realidade e sabe se situar no mundo em todos os aspectos.

Faça provas antigas

Fazer isto é uma forma de começar a se habituar com o estilo do exame e ficar por dentro de como os conteúdos são cobrados. O ideal é reservar, pelo menos, duas horas semanais para resolver provas antigas nos meses que precedem o grande exame.

Não deixe ainda de usar os simulados a seu favor. Faça pelo menos uma por mês para ver como anda seu conhecimento, descobrir suas principais dúvidas e ir se preparando para os dias de prova. A prática é essencial para alcançar um bom desempenho.

Busque o equilíbrio

A preparação para o ENEM é uma maratona. Por isso, de nada adianta investir todo o tempo que tem disponível nos estudos e esquecer todo o resto.

Para se sair bem no exame, procure sempre o equilíbrio nas suas atividades. Além de estudar, reserve um tempo no seu cotidiano para relaxar e fazer atividades prazerosas para você, como sair com amigos, ler um livro e escutar uma música. Estes momentos de relaxamento são importantes para manter o emocional em dia e a cabeça tranquila na hora que tiver que se dedicar aos estudos.

Se preparar para o ENEM exige força de vontade, dedicação e planejamento. Organize-se, planeje seus dias e cumpra o plano de estudos que você criou. Tornar o estudo para o exame parte da sua rotina certamente vai fazer a diferença na hora de fazer as provas e aumentará suas chances de garantir a tão sonhada vaga no curso universitário dos seus sonhos.

Agora já sabe O que estuda para Enem 2019?  Caso tenha outras dúvidas, pode ler os demais artigos no nosso site.

O que estuda para Enem 2019
5 (100%) 1 voto

Como calcular nota enem

Como calcular nota enem? Após sair os resultados das provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, muita gente fica questionando como calcular a sua média, pois não faz ideia! Mas agora você pode ficar bem tranquilo que iremos explicar bem direitinho para você.

É importante saber como calcular a sua média pois é com ela que você irá concorrer a vagas em programas como Prouni, Fies ou Sisu. Hoje em dia tem até instituições privadas que deixam você substituir o vestibular pela nota do Enem.

Veja agora como calcular a sua nota geral e por peso do Enem…

Como calcular nota enem – Média geral

Calcular a sua nota média geral no Enem é super simples. Basta fazer prestando bastante atenção, do mesmo jeitinho que faremos abaixo:

Digamos que nossa amiga Joaquina tirou as seguintes notas no último Enem:

  • Redação 750,00 pontos
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias 600,00 pontos
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias 595,00 pontos
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias 605,00 pontos
  • Matemática e suas Tecnologias 723,00 pontos

Para descobrir a média geral de Joaquina no Enem, você deverá começar somando todas as notas. A soma resultará no número 3273,00. Após a soma você irá dividir este número pela quantidade de notas somadas, que foram 5. Dividindo o número 3273 por 5 você descobrirá a média geral dela, que ficou 654,60.

Como calcular nota enem – Média por peso

Muitos ficam apavorados quando se fala em notas por peso, mas não é nenhum bicho de sete cabeças não. Observe abaixo, com as mesmas notas da nossa amiga Joaquina mencionada antes:

  • PESO 1 – Redação 750,00 pontos
  • PESO 1 – Ciências da Natureza e suas Tecnologias 600,00 pontos
  • PESO 1 – Ciências Humanas e suas Tecnologias 595,00 pontos
  • PESO 1 – Linguagens, Códigos e suas Tecnologias 605,00 pontos
  • PESO 2 – Matemática e suas Tecnologias 723,00 pontos

E agora, como vou descobrir a média da Joaquina? Você vai somar todas as notas novamente, e a nota que tiver peso 2 você irá somar duas vezes. Veja:

750 + 600 + 595 + 605 + 723 + 723

O resultado será 3996, esse valor no lugar de dividir pelas notas, você dividirá pela quantia de números somados, que foram 6. Assim a nota dela de acordo com o peso, foi de 666 pontos.

Quer inscrever no prouni 2019? Veja como funciona:

Caso mesmo após nossa explicação você ainda não se sinta confiante, sem problemas, o site Universitários faz o cálculo todinho para você!

Como calcular nota enem
5 (100%) 1 voto

Inscrições Prouni 2019 – Tudo que você precisa saber

Quando decidimos entrar na faculdade vão surgindo muitas dúvidas sobre como funcionam as coisas, seja prova ou inscrições Prouni 2019. Levando em consideração suas dificuldades, aqui você poderá tirar suas dúvidas referentes ao Prouni 2019 MEC!

O que é o Prouni 2019 Mec?

O Prouni é o “Programa Universidade para todos” criado pelo governo federal, com ele pessoas carentes tem a possibilidade de ingressar no ensino superior. O programa oferece bolsas de estudos de 50% ou 100% para estudantes em instituições privadas.

Como conseguir uma bolsa?

Para concorrer a uma bolsa do Prouni 2019, você precisa ter realizado o Enem 2018. Será com suas notas do Exame Nacional do Ensino Médio que você irá se candidatar a uma bolsa.

O Prouni exige algumas notas mínimas do participante, ele precisa ter tirado no mínimo 450 em todas as áreas do conhecimento e acima de 0 na redação.

As inscrições do ProUni são realizadas através do site oficial do ProUni. Para fazer o seu cadastro, é só informar o seu número de inscrição e senha do Enem do ano anterior. Em seguida, basta preencher as informações solicitadas e escolher duas opções de curso entre as vagas disponíveis.

Quem pode participar (Inscrições Prouni 2019)?

Para participar do Prouni 2019, não basta apenas ter realizado a prova do Enem anterior e tirado as notas mínimas. Existem alguns requisitos a seguir:

  • Local do ensino médio: Para concorrer a uma bolsa pelo programa é preciso ter realizado o ensino médio em uma escola pública, ou ter sido beneficiado com bolsa integral. Na hora da matrícula será necessário comprovação dos mesmos;
  • Renda familiar: Para bolsa integral os candidatos devem ter de renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para bolsas parciais é preciso ter renda familiar mensal de até três salários mínimos por pessoa;
  • Professores: Para os professores da rede pública, podem concorrer a bolsas nos cursos de licenciatura, normal superior ou então pedagogia. Neste caso, o critério de renda não é considerado (pode ganhar mais de 3 salários mínimos).

Leia mais aqui:

Como se inscrever no ProUni 2019

Aqui é tudo que precisar saber sobre inscrições Prouni 2019 MEC. Se tiver mais dúvidas, ainda pode ler:

Agora, para começar a sua inscrição,  entre no portal oficial do MEC e começa agora. Segue a cronograma e não perca a chance.

Inscrições Prouni 2019 – Tudo que você precisa saber
5 (100%) 1 voto